}

domingo, 11 de março de 2012

"A IDADE DE CASAR"



O amor pode surgir de repente, em qualquer etapa da vida, é o que todos os livros, filmes, novelas, crônicas e poemas nos fazem crer. É a pura verdade. O amor não marca hora, surge quando menos se espera. No entanto, a sociedade cobra que todos, homens e mulheres, definam seus pares por volta dos 25 e 30 anos. É a chamada idade de casar. Faça uma enquete: a maioria das pessoas casa dentro dessa faixa etária, o que de certo modo é uma vitória, se lembrarmos que antigamente casava-se antes dos 18. Porém, não deixa de ser suspeito que tanta gente tenha encontrado o verdadeiro amor na mesma época.
O grande amor pode surgir aos 15 anos. Um sentimento forte, irracional, com chances de durar para sempre. Mas aos 15 ainda estamos estudando. Não somos independentes, não podemos alugar um imóvel, dirigir um carro, viajar sem o consentimento dos pais. Aos 15 somos inexperientes, imaturos, temos muito o que aprender. Resultado: esse grande amor poderá ser vivido com pressa e sem dedicação, e terminar pela urgência de se querer viver os outros amores que o futuro nos reserva.
O grande amor pode, por outro lado, surgir só aos 50 anos. Você aguardará por ele? Aos 50 você espera já ter feito todas as escolhas, ter viajado pelo mundo e conhecido toda espécie de gente, ter uma carreira sedimentada e histórias pra contar. Aos 50 você terá mais passado do que futuro, terá mais bagagem de vida do que sonhos de adolescente. Resultado: o grande amor poderá encontrá-lo casado e cheio de filhos, e você, acomodado, terá pouca disposição para assumí-lo e começar tudo de novo.
Mas grande parte da população dança conforme a música. Um pequeno amor, surgido entre os 25 e 30 anos, tem tudo para virar um grande amor. Um grande amor, surgido em outras faixas etárias, tem tudo para virar uma fantasia... Caso seja feito de maneira imatura.

10 comentários:

  1. O Amor não tem idade para se dar a conhecer, nem tampouco pode ser tão fácilmente rotulado. É amor e isso basta, pelo menos para mim.

    ResponderExcluir
  2. Não existe idade para amar. O amor surge quando menos se espera!

    Amar não é sinónimo de casar!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. A idade do amor é quando se é amor, entende? Na verdade, não há nada pré-determinado, ensaiado. É uma pena que determinemos isso quando tudo o que o amor quer é amar.

    P.s.: lindo seu comentário lá no blog. Fiquei muito contente. Mesmo.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Lindos textos. Este é uma verdade lição.. Muitos deveriam ler. Parabéns! Beijinhos.

    ResponderExcluir
  5. A idade do Amor é infinita enquanto dura! O amor é intemporal, no entanto a sociedade é que nos obriga a seguir um padrao que nem sempre faz sentido!
    Beijo doce e belo texto

    ResponderExcluir
  6. Essas coisas de amor são complicadas demais para se pensar nelas... melhor vivê-las!

    ResponderExcluir
  7. Oi!!!

    Acho que quando sente que é o momento certo, a idade não conta!!!!
    Amor deve ser vivido sempre!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  8. Oiii muito obrigada pela visita, já estou seguindo aqui também, gostei muito do seu espaço. Bem bacana seu texto, mas penso como a Patricia acima, amor tem que ser vivido não importa a idade...
    Beijãoo

    ResponderExcluir
  9. Olá!Bom dia!
    Obrigado pela visita!
    Obrigado pela participação em meu blog! Muito feliz e honrado!
    Só para dizer,que já SOU seguidor, de seu blog...algum tempo atrás!
    Meu blogroll "zerou", e deixei de acompanhar Alguns blogs, mas já normalizou!
    Boa semana!
    Abraços!

    ResponderExcluir

# OBS. Comentário feito de forma desrespeitosa, ofensivas e anonimas serão excluídos... Desta forma sejam todos vem vindo!

SEUS COMENTÁRIOS SERA SEMPRE BEM VINDO....LEVANDO EM CONTA QUE É ATRAVÉS DOS TEUS COMENTÁRIOS QUE ESTE BLOG TENDE A MELHORAR CADA VEZ MAIS.