}

sexta-feira, 11 de março de 2016





Não vivo em mim, torno-me parte daquilo que me rodeia. As montanhas fere-me as sensibilidade, ao passo que o barulho das cidades humanas só me tortura. Minha vida, meus sentimentos, minha estética, todas as vibrações da minha compaixão de homem que sou desde a fundação dos meus tecidos... Tem, lá, suas raízes.


2 comentários:

  1. Saudades dos seus versos, no dia da mulher eu senti falta de ler boas mensagens por aqui. *--*
    Essa é linda e nos faz refletir e ajuda a gente a ser melhor a cada dia.
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  2. Muito bonito, Wonder!
    "Não vivo em mim, torno-me parte daquilo que me rodeia."
    Beijo!

    ResponderExcluir

# OBS. Comentário feito de forma desrespeitosa, ofensivas e anonimas serão excluídos... Desta forma sejam todos vem vindo!

SEUS COMENTÁRIOS SERA SEMPRE BEM VINDO....LEVANDO EM CONTA QUE É ATRAVÉS DOS TEUS COMENTÁRIOS QUE ESTE BLOG TENDE A MELHORAR CADA VEZ MAIS.